Tudo sobre selantes de silicone

Publicado em: 15 de abril, 2021

O selante de silicone é um material amplo voltado para diversas aplicações. Nas industrias elétrica e eletrônica, construção civil, aeronáutica, automotiva, esse material se destaca por seu poder de vedação.

A razão pela qual o silicone foi eleito para estes mercados é graças às suas características como estabilidade física, boa aderência a diferentes substratos, ser quimicamente inerte, resistente aos raios UV e intempéries e a grandes variações de temperatura,

Outro ponto que torna o selante de silicone um excelente produto é sua flexibilidade, o que torna o produto com diferentes estados físicos. Isso significa que esses selantes estão disponíveis no mercado de várias formas para aplicação como: pastas, líquidos, graxa viscosa, espumas, hot melt e em formas autonivelantes.

Como secam ou como curam os selantes de silicone? Eles podem ser RTV (room temperature vulcanization ou cura por temperatura ambiente ou mono componentes) ou HTV (heat temperature vulcanization ou cura por alta temperatura). Os RTV não necessitam de uma fonte de calor para a secagem ou a cura e como vantagens podemos destacar: são simples de aplicar, não necessitam de um forno ou estufa e o baixo custo, e podem ser mono ou bi componente.

Já os HTV também podem ser mono ou bi componentes. Vão secar ou curar quando submetidos entre 150 e 200 oC, as vantagens são maior resistência a alta temperatura e a forças de tração, as desvantagens são, alguns plásticos e componentes eletrônicos não suportam a estas temperaturas.

Como aplicar os selantes de silicone: eles podem ser aplicados manualmente ou automaticamente através de máquinas próprias para estes produtos.

Existem dois principais tipos de selante de silicone disponíveis: os acéticos e os neutros. A seguir, iremos explicar a diferença entre cada um e também o papel do silicone na indústria. Basta seguir a leitura aqui com a gente.

Selante de silicone para indústria

O selante de silicone passou a ser utilizado na indústria a partir dos anos 60 e hoje, é um dos principais selantes utilizados.

As principais aplicações do selante de silicone são:

  • Vidraças;
  • Vedação de esquadrias (portas e janelas);
  • luminárias LED
  • lanternas de carros
  • faróis de carros
  • eletroeletrônicos
  • isoladores elétricos
  • sensores automotivos
  • pás eólicas
  • geradores
  • motores
  • caixas de fusíveis

Além dessas incorporações do produto há também a possibilidade de utilizar o produto para diversos tipos de vedação, que ajudam no combate a incêndios e também amortecer vibrações, oferecer isolamento térmico, acústico e elétrico.

Selante de silicone acético

Como falamos anteriormente, existem dois principais tipos de selantes disponíveis no mercado e que são voltados para a indústria: o acético e o neutro. Nesse primeiro momento, iremos abordar  sobre o acético.

E a razão de escolhermos falar dele antes não é aleatória, afinal, ele foi o primeiro selante de silicone desenvolvido e aplicado na indústria.

Esse tipo de selante é geralmente incorporado a ambientes internos e superfícies lisas, o que demonstra um menor nível de complexidade do produto. Ele pode estar presente no encontro vidro com vidro, vidro com metal, metal com metal, alumínio… ou seja, de fato aplicações mais caseiras, e a razão disso é a sua alta capacidade de adesão.

Contudo, vale um aviso: por se tratar de uma base acética, em contato com alguns metais e componentes eletrônicos sem acabamento e proteção, o selante de silicone acético pode corroer a superfície e apresentar falha adesiva. Além disso, propaga um odor semelhante ao vinagre.

Selante de silicone neutro

O selante de silicone neutro foi desenvolvido anos mais tarde com o objetivo de suprir demandas que o acético não era capaz.

Por essa razão, ele é muito mais flexível e capaz de ser aplicado em vedações de maneira geral, inclusive, não só em superfícies lisas, como também apoiando em todas as etapas da montagem na indústria.

Outra vantagem é que por se tratar de um componente neutro, ele não é corrosivo. Dentre os exemplares de selante de silicone neutro, existem dois principais disponíveis hoje no mercado: de cura oxímica e de cura alcoolica

O primeiro é mais popular, e é recomendado em superfícies que o acético não pode ser incorporado, como em estruturas metálicas e componentes eletrônicos sem proteção. Libera um odor doce. No entanto, estão entrando em desuso devido a algumas restrições impostas pela Comunidade Comum Europeia.

Já o alcoólico, mais moderno, durante o processo de cura libera metanol, o que acaba dando uma adesão muito superior quando aplicado em superfícies metálicas, e principalmente montagem de componentes eletrônicos, eletrodomésticos, e indústria automobilística . Tem também ótima aderência a plásticos. Destaque para os silicones alcoólicos Hot melt, que além de serem ecologicamente corretos, pois liberam metanol, curam segundos apos a aplicação, tornando muito mais produtiva a linha de produção.

Qual e onde encontrar o selante de silicone adequado?

Na indústria é comum dúvidas como : nestes substratos qual é o selante de silicone adequado?  Este selante suporta esta temperatura?  Neste ambiente aonde tem ataque químico este é o selante adequado?  E qual seria o melhor processo de aplicação?  Por isso, é fundamental que o material seja de qualidade e encontrar empresas que distribuam estes produtos.

A X5 Company trabalha com os melhores fornecedores para oferecer soluções completas e eficientes para os mais diversos segmentos. Se a sua empresa precisa de selante de silicone, a X5 tem a opção certa. Quer saber mais e consultar valores? Solicite um orçamento agora mesmo clicando aqui!


Escrito por:

Agência Canna


    x5-logo-partner x5-logo-partner x5-logo-partner x5-logo-partner